Não posso comprar um scanner intraoral, quais as opções para ser digital?

Não posso comprar um scanner intraoral, quais as opções para ser digital?

Ser digital não é mais uma opção; cedo ou tarde todo dentista dará a entrada no fluxo digital. Não é só na odontologia que temos essa migração, mas em outros mercados e o desafio não é diferente.

Em um primeiro momento da apresentação da solução digital, acreditou-se que a maior parte dos dentistas teriam um scanner intraoral, sendo ele o top de linha ou de marcas mais acessíveis.

O que sabemos hoje é que esse conceito se atualizou e na verdade, a grande minoria terá um equipamento digital dentro do seu negócio. Outros formatos de tornar-se digital estão sendo apresentados e muito mais aderente à rotina dos profissionais.

Alguns dos principais desafios para quem pretende adquirir um equipamento, seja scanner intraoral, fresadora, impressora ou até mesmo um software para planejamento, são:

  1. Conhecimento suficiente para escolha correta do modelo e marca
  2. Disponibilidade financeira para investir
  3. Dedicação constante para correta manutenção, produtividade e assertividade no fluxo.

A partir dessas dificuldades (desafios), surgem no mercado odontológico outras formas de incluir o digital na rotina que não comprometa seu financeiro, seu tempo e dedicação, são elas:

Terceirização do escaneamento intraoral
Usar um serviço de escaneamento elimina a necessidade de aprender profundamente sobre técnica de escaneamento e a preocupação com a compra e manutenção do scanner intraoral.
Se o serviço for da be-in, você recebe um relatório com todas as informações do atendimento e imagens para apresentar ao seu paciente.

Nesse modelo você ainda conta com o benefício de realizar o escaneamento intraoral no seu consultório, aproveitando para estabelecer uma comunicação clara e eficiente com o paciente desde a primeira consulta!

Encaminhar o paciente para o Laboratório de Prótese
Alguns laboratórios adquiriram um scanner intraoral para oferecer o serviço aos seus clientes.
Caso o paciente não queira se deslocar até o laboratório, há a possibilidade de enviar o modelo analógico ao laboratório e esse digitalizar através de um scanner de bancada para dar início ao fluxo digital.

Encaminhar o pacientes à Radiologia
Muitas radiologias montaram centro de escaneamento para oferecer o serviço aos seus clientes. Na oportunidade da documentação ortodôntica, por exemplo, já incluiam o escaneamento como forma de ampliar a oferta do serviço.

Baseado nesses 03 modelos, qual é o melhor para você? Independente da sua escolha, o melhor é entrar no fluxo digital e aos poucos conhecer o melhor formato para a sua rotina e seu paciente!

Clique aqui e ganhe uma condição especial para conhecer o serviço de escaneamento ORO SCAN da be-in!

Escaneamento intraoral be-in

Compartilhe este post!

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on email
Share on whatsapp